CONTRACULTURA

confira a seção links com indicações sobre vários temas!

Liberdade de expressão pra quem? 30/10/2010

Filed under: Uncategorized — gertrudenotstein @ 12:08
Tags: ,

Ultimamente tenho me irritado muito com a posição dos principais meios de comunicação (bom, acho que não sou a única, né), que é a de vitimismo. E hipocrisia, por que não? Vejamos a Folha e o Estado, só pra começar. O primeiro processou um blog que fazia brincadeira com o nome de jornal (era A Falha de S.Paulo), e conseguiu que o site fosse tirado do ar. Já o segundo, demitiu uma de suas mais conhecidas colunistas, a Maria Rita Kehl, porque ela escreveu uma coluna que bem, os editores não devem ter gostado muito. Enquanto isso, ambos saem por aí se dizendo ameaçados pelo governo que, imagine!, quer criar um órgão que regulamente a mídia. Isso só pode ser censura, né? Não, não e não.

Como bem disse o João Brant em uma palestra na minha faculdade, a liberdade de expressão é um direito humano, e não da imprensa. O direito que temos é de ver a nossa voz divulgada nos meios de comunicação, é ver a voz de todos os outros, e não ver a voz do chefe que comanda a empresa. A TV e o rádio são concessões. Ninguém fala da empresa que usa a concessão de TV como fala da concessão que a emrpesa de ônibus usa, né? A empresa de ônibus passa por avaliações, é claramente vista como um serviço público. A concessão de TV não. A de rádio não. Aliás, quando grupos independentes se apropriam de linhas de rádio são considerados clandestinos, quando na verdade são os únicos fazendo uso legítimo daquilo: dando voz a outras pessoas, a outras regiões, a outros públicos.

Nos EUA e na Inglaterra, só pra ficar nesses dois, existem órgãos ou mecanismos que regulamentem a mídia. Nos EUA, os canais de TV são obrigados a transmitir uma cota da programação que seja produção de outros grupos, independentes, que não sejam relacionados aos canais. E são obrigados a cobrir outras regiões, e não só uma ou duas (SP ou Rio, oi?). Na Inglaterra, quando algo na TV não agrada à população, eles têm a quem recorrer: ao órgão regulamentador. Não se trata de um mecanismo de censura do governo, e sim de um mecanismo para que a população possa cobrar o que se espera de uma TV: um serviço de boa qualidade e que atenda aos interesses do cidadão, e não da empresa.

E antes que digam “ah, mas pode se processar os canais quando você não gosta”, eu respondo: quem é que tem tanto dinheiro e tempo pra manter um processo por anos aqui no Brasil? E contra uma Globo ou SBT da vida, que tÊm muito mais dinheiro e advogados que um simples cidadão? E o que dizer do tempo que leva? Até sair um direito de resposta, nos moldes tradicionais em que costumam ocorrer os processos, os cidadãos já perderam em muito a sua causa.

Por isso, acho muito seguro dizer que quando saem por aí chorando porque vão perder sua liberdade de imprensa, digo outra coisa: tão é com medo de perder sua liberdade de empresa mesmo. De resolver que a liberdade de expressão é deles e de mais ninguém e que isso também significa se eximir de qualquer responsabilidade. Podem fazer piadas com gays, negros e mulheres à vontade, e se alguém reclamar, é um ataque! É censura! Não é não! Ter liberdade é se responsabilizar pelo que diz, pelo que faz. E não o oposto. Me digam se vocês acham que existe liberdade de expressão em um país onde mais ou menos quatro grandes empresas controlam toda a mídia, e sendo que uma delas muito mais do que todas a soutras? E a TV digital, que poderia servir pra expandir os canais abertos pra mais concessões e novas vozes, foram dados aos mesmíssimso canais. E os políticos, que não podem ter concessões públicas, têm muito mais envolvimento com rádios e TV do que se vê por aí. E já se vê muito disso!

Quem realmente tá atacando nossa liberdade de expressão? Diante da TV, minha alternativa é me calar. É o espaço que me dão.

Anúncios
 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s